Curso Intercultural de Pedagogia Indígena da UEA pode parar

Os professores titulares e assistentes do Curso de Pedagogia Indígena ameaçam não corrigir as provas dos acadêmicos, caso não recebam suas diárias e salários em atraso desde o período passado. Os professores têm o apoio dos mais de 2600 acadêmicos, dentre eles, 745 indígenas, pois são testemunhas do esforço deles para a efetivação do curso, porém, não podem trabalhar sem receber. O Curso está sendo ministrado em 52 municípios, inclusive na capital. De acordo com alguns acadêmicos, alguns professores só voltaram para seus lugares de origem, porque os acadêmicos se cotizaram para pagar suas passagens. Mas ficaram devendo hotéis e restaurantes. Com a palavra a Universidade do Estado do Amazonas.

(Floriano Ferreira – Itacoatiara/AM)

Fonte: www.blogdafloresta.com

Anúncios

Uma resposta em “Curso Intercultural de Pedagogia Indígena da UEA pode parar

  1. é brincadeira que a uea esta azendo com os professores titulars e asistente, todos tem o direito trabalha e lovavel as atividades dos profesores asistente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s