Tunuí Cachoeira, a barreira geográfica do rio Içana

 Taiaçu Cahoeira, dezembro de 2012. Foto: Dan Baniwa.

Vista da comunidade de Tunuí Cahoeira, subindo o rio Içana Foto: André Baniwa.

Pra quem já passou por lá sabe. Ao longo destes últimos anos a comunidade se tornou o ponto estratégico na região do Içana. Por vários motivos, algumas delas: por ser uma das maiores da região, com estrutura que suporta a realização de vários eventos de médio e grande porte, e, por o outro motivo é a cachoeira. Uma das mais difíceis de se passar no Içana. O que obriga as pessoas a arrastarem suas canoas nas pedras na época de seca.

Na época de cheia, até que dá pra os mais corajosos arriscarem. Mas,  não são poucas as histórias de acidente e perdas nessa cachoeira. Por isso, as pessoas, preferem se encontrar em Tunuí, o que facilita a chegada o pessoal de “cima” e de “baixo”.

Mas, é muito bom subir naquela serra.. Uma atração irresistível para quem chega. E vale apenas gastar uns 30 minutos subindo e chegar ao topo e admirar a natureza e suas belezas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s