Pátria educadora que não prioriza a educação

DSC07719

Gestores de escolas, professores, estudantes e pais de alunos saíram às ruas na manhã desta quarta-feira, 8 de abril aqui em São Gabriel da Cachoeira.

“O governo brasileiro diz que o Brasil é Pátria Educadora mas, não prioriza a educação” – disse Paiva Baniwa Trinho Paiva, um dos coordenadores da mobilização.

Sair às ruas foi para protestar e chamar atenção dos governantes foi um dos encaminhamentos da 1a Reunião Ordinária dos Trabalhadores em Educação do Estado do Amazonas (SINTEAM) e Conselho de Professores Indígenas do Alto Rio Negro (COPIARN), realizado no dia 8 de março, que reuniu mais de 200 professores, elaborou uma carta para reivindicar:


Leia a carta: http://zip.net/bvq3Pw

Anúncios